Contato: (11) 9 7686 4370

Destinos

Natal e Praia da Pipa (8 dias – 7 noites)


Warning: sizeof(): Parameter must be an array or an object that implements Countable in /home/venturoviagens/public_html/wp-content/themes/wildcat/single-product/meta.php on line 15

Descrição

 

O que está incluso?

¤ Parte aérea de ida e volta;
¤ Traslado aeroporto de Natal / Hotel na Praia da Pipa (*) / Hotel em Natal;
¤ Traslado Hotel de Natal / Aeroporto de Natal;

PRAIA DA PIPA:
¤ Hospedagem por 03 noites no hotel escolhido com regime correspondente + taxa de serviços.

NATAL:
¤ Hospedagem por 04 noites no hotel escolhido com regime correspondente + taxa de serviços;
¤ Passeio pela cidade com Praia de Camurupim.

OBSERVAÇÕES IMPORTANTES :
A hospedagem entre Praia da Pipa e Natal ficam assim :
03 noites na Praia da Pipa – Na chegada
04 noites em Natal
(*) Praia da Pipa fica á 85 Km de Natal.

O destino

História

Para contar a história de Natal é preciso voltar alguns anos no tempo. Mais precisamente, na longínqua data de 1597, quando uma frota de portugueses aportou na hoje chamada “esquina do Brasil” e se deparou com uma enorme resistência de franceses e índios potiguares. Após frustradas tentativas, a armada liderada pelo Capitão-Mor Manuel Mascarenhas conseguiu enfim expulsar os franceses em 25 de dezembro do mesmo ano.
Os lusitanos mal tiveram tempo para comemorar, pois os índios continuavam investindo contra os novos ocupantes. Para afastá-los, a Fortaleza dos Reis Magos passou a ser construída no dia 6 de janeiro de 1598, tendo suas obras finalizadas apenas um século depois.
Colonizadores holandeses ainda tomaram o território dos portugueses, em meados do século XVII, mas foi definitivamente recuperado em 1654. A partir daí, Natal se desenvolveu sem conflitos de interesses externos e pôde crescer principalmente pela sua importância marítima, sendo o ponto mais perto para o continente africano.
Já no século XX, Natal foi de fundamental importância para os norte-americanos, que instalaram bases navais próximas à cidade durante a Segunda Guerra Mundial. Essa ocupação serviu como influência para o povo da capital do Rio Grande do Norte, que passou a ser visitado por um enorme número de turistas.

História

Tibau do Sul e sua Praia da Pipa chegaram ao conhecimento dos colonizadores europeus ainda no século XVI, quando franceses e holandeses tentavam tomar o litoral nordestino das mãos dos portugueses. Quando enfim o último invasor foi expulso do território, em 1654, a produção agrícola e criação de gado passaram a tomar conta de Tibau do Sul, atividades que perduraram até meados da década de 1970.
Nessa época, os surfistas encontraram nas ondas grandes e na beleza natural da região um novo ponto de encontro para o lazer. Logo visitantes de todas as partes do Brasil e de outros países movimentaram fortemente a atividade turística da Praia da Pipa e seu município.
Pouco se passou desde o descobrimento turístico do lugar e as pousadas e restaurantes começaram a formar uma adequada infra-estrutura para a massa que se deslocava para lá, principalmente nos verões nordestinos, contribuindo para o desenvolvimento econômico de Tibau do Sul.

Atrações

Pontos turísticos da região

Fortaleza dos Reis Magos – Após um século de construção, o Forte finalmente ficou pronto em 1698. Ele tem cinco pontas, lembrando o formato de uma estrela e abriga o Marco do Descobrimento da cidade.

Farol de Mãe Luíza – O Farol foi construído entre as décadas de 40 e 50 do século XX e ainda está em uso. De cima da torre pode-se ver quase toda extensão norte e sul da cidade.

Rua Chile – Rua que abrigava armazéns para algodão, açúcar, peixes e outros itens no século XIX. Nesta rua também fica o prédio que serviu como o Palácio do Governo. Hoje, a Rua Chile oferece atrações culturais, como música, teatro e dança.

Igreja santo Antônio – Igreja construída em 1799 que exibe em seu interior a arquitetura barroca.

Complexo de Lazer Marina Badauê – Localizado na Praia de Pirangi, a 20 quilômetros de Natal, esse complexo turístico possui ampla infra-estrutura para atender um grande número de pessoas. Suas dependências estão equipadas com restaurante, bar, área de lazer e loja de artesanato. Oferece passeio de barco quando a maré está baixa.

Parque dos Tubarões – Parque com piscina, toboágua e restaurante. Às tardes acontece o show dos animais que o parque leva o nome.

Centro de Turismo – Já abrigou a cadeia de Natal, e hoje serve como galeria de arte, loja de artesanato e palco de apresentações folclóricas.

Parque das Dunas – É o segundo maior parque urbano do País. Com uma área total de 1172 hectares, é possível observar diversas espécies animais e vegetais da Mata Atlântica, um dos últimos do Estado. A visita é feita em uma trilha com acompanhamento de um guia.

Cajueiro de Pirangi – Com uma copa de 8400 m², o maior cajueiro do mundo concentra em sua base diversas lojinhas de lembranças.

Mergulho nos Parrachos de Maracajaú – São 13 quilômetros de extensão de barreira de corais. Lugar perfeito para mergulho, com águas cristalinas e uma vista submersa incrível. Localizado a 60 quilômetros de Natal e a sete da costa.

Lagoa de Jacumã – Um trecho de água dentro de uma duna, além de ser uma bela paisagem, serve como diversão para todas as idades. Um cabo de aço liga o topo da duna ao lago, e as pessoas caem de bunda na água.

Praia do Forte – Praia que embeleza ainda mais o Forte dos Reis Magos. Águas calmas e areia branca fazem dessa praia um excelente local para descansar.

Praia dos Artistas – Uma das praias mais agitadas de Natal. Mais famosa pelas noites de festa do que pelo ambiente relaxante que também é.

Praia de Ponta Negra – Recanto de muitos hotéis, bares e restaurantes, a Praia de Ponta Negra é uma das mais populares de Natal, com música das barraquinhas de praia o dia inteiro e festas pela noite também. Nessa praia também se localiza o Morro do Careca, um dos maiores pontos turísticos de Natal, com quase 80 metros de altitude.

Dunas de Genipabu – Uma das mais famosas dunas do nordeste brasileiro. Oferece passeios de dromedário, jangada e skibunda.

Cabo de São Roque – Aqui é a esquina do Brasil. É o ponto do País mais próximo da África.

Pontos turísticos da região

Lagoa Guaraíras – Cenário tradicional do litoral nordestino com barcos de pesca enfeitando a lagoa e passeios de canoa e barco para o público.

Praia de Malembá – Do outro lado da Lagoa Guaraíras existe essa deliciosa praia e suas dunas que encantam o viajante à primeira olhada.

Praia do Giz – Linda praia com piscinas naturais na maré baixa.

Praia da Cacimbinhas – Ilustrada também por dunas ao seu redor, a Cacimbinhas possui acesso por uma escadaria em uma falésia e oferece um belíssimo cenário aos seus usuários.

Praia do Madeiro – Uma das praias mais procuradas da região. Oferece boas ondas aos surfistas e um excelente dia de sol para quem prefere ficar à beira-mar conversando ou descansando.

Baía dos Golfinhos – Continuação da Praia do Madeiro, porém mais isolada. Freqüentemente é possível observar golfinhos por lá e aos finais de semana a praia serve como lazer aos moradores da região e visitantes.

Praia do Porto – Oferece piscinas naturais durante a maré baixa.

Praia do Centro – Possui maior número de barracas e abriga grande número de turistas.

Praia do Amor – Praia preferida pelos surfistas, e desaconselhável para banho, devido à forte corrente do mar.

Entre em contato

    Nome (obrigatório)

    Seu e-mail (obrigatório)

    Telefone*

    Assunto (obrigatório)

    Mensagem (obrigatório)

    Avaliações

    Não há avaliações ainda.

    Seja o primeiro a avaliar “Natal e Praia da Pipa (8 dias – 7 noites)”

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *